martins em pauta

Carregando...

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Lula diz que ‘Veja’ é panfleto da oposição e sugere postura de indiferença à revista

Sexta, 31 de outubro de 2014 


Em novo vídeo divulgado Lula fala que o primeiro voto feminino foi ganho na Justiça, em Mossoró-RN, em 1927


São Paulo – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou hoje (30) novo vídeo no qual sugere que a população seja indiferente às tentativas da revistaVeja de prejudicar o PT. Ele afirma que não se pode mais enxergar a publicação do Grupo Abril como uma fonte de informação e classificou a reportagem divulgada às vésperas de eleição como o “melhor panfleto” a favor de Aécio Neves (PSDB), adversário de Dilma Rousseff (PT) no segundo turno.

“Se você olhar a Veja como uma revista de informação, você fica muito nervoso pela quantidade de mentiras. Agora, se você olhar a Veja como um panfleto da campanha do Aécio, você sofre menos”, afirma. Ele avalia que a reportagem que tentava associá-lo, junto com Dilma, a um esquema de corrupção na Petrobras foi a “cartada final” da revista na tentativa de evitar uma nova vitória petista, a quarta seguida. “Na verdade, ela deu um instrumento para a campanha do Aécio trabalhar na imprensa escrita e na imprensa televisada.”

A edição de Veja começou a circular na sexta-feira prévia ao segundo turno, um dia antes da data de distribuição normal da revista. A capa com os rostos de Lula e Dilma foi xerocada em várias cidades brasileiras, e distribuída como panfleto pró-Aécio. No sábado alguns dos maiores diários do país repercutiram a suposta denúncia, que recebeu ainda reportagem de seis minutos na última edição do Jornal Nacional antes da abertura das urnas. A Globo levou ao ar o conteúdo a respeito mesmo depois de decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que determinava que o PT tivesse direito de resposta na revista, acusada de promover uma manipulação de informação com fim de prejudicar o curso das eleições.

“A Veja se definiu ideologicamente. Já há muito tempo. Ela odeia o PT, odeia os governos do PT. E nós, em vez de ficarmos nervosos, irritados, não”, afirma Lula. “A gente tem que ver que a Veja é uma revista de oposição ao governo. Pronto, acabou. A gente vai sofrer menos, não tem azia. Quando souberem que a gente não fica nervoso vão ter azia. Porque quando alguém faz uma maldade dessas querem que a gente fique nervoso, que a gente perca o sono, que a gente não durma. Se perceberem que a gente dormiu, que a gente não perdeu o sono, eles é que vão ficar acordados a noite inteira, vão ter azia, vão ficar muito mal.”

No vídeo, o segundo divulgado após o resultado eleitoral, Lula voltou a falar do ódio de parte da população ao PT. Na véspera, o ex-presidente criticou a postura de intolerância a pobres que ascenderam socialmente nos governos dele e de Dilma, afirmando que mais generosidade e menos preconceito seriam positivos ao Brasil. “Toda vez que aparece alguém disposto a cuidar dos setores mais marginalizados da sociedade, daqueles que trabalham, daqueles que vivem de salário, do pequeno empreendedor, da classe média, tem gente que não gosta. Tem gente que fica com ódio.”

Ao final, Lula lamentou ainda as tentativas de deslegitimar a vitória obtida por Dilma. Logo em seguida à confirmação da reeleição surgiram nas redes sociais mensagens que pediam uma intervenção militar contra a presidenta constitucional e um impeachment pelo Congresso, versão ecoada também por parlamentares de oposição ao PT.

“Democracia é o que estamos vivendo hoje. Todo mundo tem o mesmo direito. Todo mundo pode votar e escolher o seu candidato, e todo mundo tem que aceitar o resultado porque isso é democracia. Democracia não vale só quando a gente ganha. Se fosse assim era muito fácil ser democrata.”


Fonte: Carlos Skarlack

TSE determina posse de Dibson Nasser na AL

Quinta, 31 de outubro de 2014 

adecio nasser

Com retorno de Dibson o deputado estadual reeleito, José Adécio, perde a vaga

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concedeu, na sessão de ontem a noite (30), liminar para o imediato retorno de Dibson Antônio Bezerra Nasser, eleito em 2010, ao cargo de deputado estadual no Rio Grande do Norte (RN).

A liminar vigora até o julgamento de recurso especial pela Corte.

Relator da ação cautelar apresentada por Dibson Bezerra, o ministro João Otávio de Noronha deferiu a liminar, por considerar que o candidato deve permanecer no cargo até que o TSE aprecie o recurso contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) contra o parlamentar.

Por essa razão, o ministro suspendeu os efeitos do acórdão do Tribunal Regional.

Na ação contra Dibson, um de seus correligionários foi acusado de supostamente conceder benefícios previdenciários no município de Areia Branca (RN), com a finalidade de obter votos para o candidato.

Os ministros acompanharam o voto do relator por unanimidade.

Fonte: TSE



Fonte: Carlos Scarlack

Mercados reagem bem à elevação de juros, é claro! Ou: Do estelionato

Sexta, 31 de outubro de 2014 


Aloysio Nunes Ferreira: “É a prova de que o que a candidata Dilma falava, a presidente Dilma não escreve. Duas caras”.

Por: Reinaldo Azevedo

Pois é…

O governo Dilma resolveu dar uma piscadela para os “mercados” — aqueles contra os quais, segundo Lula, o PT ganha todas as eleições (podem rir!) —, e o BC elevou a taxa Selic de 11% para 11,25%. Ninguém esperava que fosse fazê-lo porque, a rigor, não existem razões objetivas para isso e porque a ata de setembro dizia que os 11% eram suficientes para levar, com o tempo, a inflação para o centro da meta.

A decisão, como antevi aqui ontem, seria lida pelo mercado como um sinal de que Dilma não vai querer brincar com a inflação; tomará, ela sim (não Aécio, né?), “medidas amargas” se necessário etc. É o jogo de sempre do PT. Faz discurso de ultraesquerda se necessário; ajoelha-se no altar da ortodoxia tosca se necessário; vai empurrando com a barriga até onde der. Ora está lá, ora está cá. Se a gente olha, no entanto, a trajetória de longo prazo, o país vai definhando e perdendo importância. É apenas um fato.

A decisão de elevar a Selic, conforme o esperado, fez o dólar cair — opera agora a menos de R$ 2,40 — e a Bolsa subir. A Vale despencou, mas nada teve a ver com esse movimento.

O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), vice de Aécio Neves na chapa tucana, comentou a elevação da taxa de juros: “É a prova de que o que a candidata Dilma falava, a presidente Dilma não escreve. Duas caras”. Outro senador de oposição também criticou a decisão: “Lamentavelmente, vamos assistir depois desse aumento, negado a campanha inteira, a reajustes nos combustíveis e nas tarifas de energia elétrica. Como sempre, o PT nos acusa daquilo que eles vão fazer, daquilo que é a prática deles”, afirmou Agripino Maia (DEM-RN).

É isso aí. Não demorou para começar o estelionato


Fonte: Carlos Skarlack

Fim de um ciclo eleitoral

Sexta, 31 de outubro de 2014 

Thurbay Rodrigues comenta 

Por: Thurbay Rodrigues 

Ufa!

Com a eleição de hoje do Presidente da Câmara Municipal de Mossoró, encerra-se esse “interminável” ciclo de eleições.

Tivemos a Suplementar, dois turnos das “gerais”e, agora, a de Presidente do Legislativo.

O prefeito Silveira Junior foi o grande vitorioso em todas elas.

Na Eleição Suplementar, obteve uma maioria histórica. No Primeiro Turno, os candidatos por ele apoiado, nas chamadas “proporcionais” foram eleitos e elegeu a senadora Fátima Bezerra.

Mossoró foi decisiva para a realização do Segundo Turno e determinante na vitória de Robinson Faria, portanto, vitórias de Silveira Junior.

Com a eleição, hoje, do vereador Jório Nogueira, filiado ao partido do prefeito, fecham-se os ciclos com Silveira Junior vitorioso em todos eles.

Fica o registro.

Fonte; www.thurbay.com/ Carlos Scarlack

Polícia Civil prende dois e apreende 19 armas em cidade do interior do RN

Sexta, 31 de outubro de 2014


A Polícia Civil do Rio Grande do Norte apreendeu 20 armas de cano longo e prendeu dois suspeitos de posse e comércio ilegal de armas. As prisões e apreensões aconteceram ontem quinta-feira (30) em João Câmara, na região do Mato Grande.

De acordo com o delegado Nivaldo Floripes, um dos presos foi até a delegacia para prestar uma queixa, porém os policiais o identificaram como suspeito de estar fazendo disparos de arma de fogo na cidade.

O homem confessou que possuía uma espingarda de pressão adaptada para calibre 22 e que arma estava passando por manutenção em João Câmara. 

Com a informação, os policiais civis, com apoio da Polícia Militar, foram até uma oficina e encontraram 19 armas de fogo. Os policiais apreenderam nove espingardas bate bucha, um rifle calibre 38 e nove espingardas de cartucho. 

Fonte: G1/RN/ Eduardo Dantas

Pagamento de 91% dos servidores estaduais será creditado hoje sexta-feira (31)




As secretarias estaduais Planejamento e das Finanças (Seplan) e da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) informam que o calendário de pagamento dos salários dos servidores estaduais relativo ao mês de outubro será da seguinte forma: hoje (31),   ao meio dia, será creditado o pagamento de todos os servidores da Segurança, Saúde e Educação (inclusive UERN), bem como todos os servidores do DETRAN, IDEMA, DEI, JUCERN e IPEM, independentemente do valor do salário, que representam um total de 60.055 servidores.
Também hoje sexta-feira vão receber os servidores ativos e inativos das demais áreas que ganham até R$ 2 mil líquidos – que somam 33.409 servidores. No dia 10 de novembro, segunda-feira, ao meio dia, serão creditados os salários dos servidores ativos e inativos que recebem acima de R$ 2 mil líquidos – 9.377 servidores, que representam 9% do total. 93.464 servidores receberão o pagamento dentro do mês, o que equivale a 91% da folha do Estado.


Fonte: Marcos Dantas

Polícia Federal deflagra Operação Godfather no RN

Sexta, 31 de outubro de 2014 | Rio Grande do Norte


A Receita Federal e a Polícia Federal deflagraram ontem (30) a Operação Godfather, que resultou na prisão de integrantes de organização criminosa suspeita de desviar cerca de R$ 150 milhões do sistema financeiro, principalmente em Fortaleza e Natal, nos últimos cinco anos. Parte dos recursos montante resultou de transações feitas no Brasil de empresas sediadas em paraísos fiscais ou de instituições e pessoas físicas que operam com compra e venda de dólares (doleiros).

Nota divulgada pela Receita Federal informa que há indícios de prática de crimes como sonegação fiscal, gestão fraudulenta, formação de quadrilha e lavagem ou ocultação de bens, direitos ou valores. Estão sendo cumpridos nove mandados de busca e apreensão em residências de investigados e em empresas supostamente ligadas à organização criminosa. Foram também decretados, pela Justiça Federal, o sequestro e o bloqueio de valores existentes em contas bancárias, em bolsas de valores e em instituições do mercado financeiro no Brasil em nome dos principais suspeitos.


Fonte: Marcos Dantas

Bando provoca terror em Campo Redondo

 Quinta, 31 de outubro de 2014 | Região do Trairi


Foto: Blog Expresso da Notícia

Do Portal BO – Uma quadrilha formada por oito homens fortemente armados invadiu a cidade de Campo Redondo, região Trairi do Estado, na madrugada desta quinta-feira (30), e explodiu dois caixas eletrônicos instalados em um prédio, no centro da cidade. De acordo com a polícia os criminosos chegaram render pacientes de Hemidiálise e usaram ambulância como barricada na entrada da cidade.

De acordo com o capitão Moura, comandante da 4ª Companhia independente da polícia militar, o bando chegou em um veículo tipo Blazer por volta das 3h e se dividiu em dois grupos, um para explodir os caixas e outro para evitar qualquer reação da polícia. “Eu recebi a ligação de um segurança me informando que havia pessoas armadas na cidade e que iriam explodir os caixas e atirar na policia, imediatamente falei com o PM que estava de guarda na delegacia e orientei para ele não sair”, relatou.

O oficial disse também que o segurança foi alvo de tiros disparados pela quadrilha, mas nada sofreu. Após explodir os caixas eletrônicos do Banco do Brasil e do Bradesco, os criminosos fugiram em direção a cidade de Jaçanã, abandonaram e queimaram o carro usado na ação no meio da rodovia. Diligências foram feitas em toda região, mas até o início da manhã nenhum dos suspeitos foi localizado ou identificado.


Fonte: Marcos Dantas

.Câmara dos Deputados apoia “Novembro azul” de prevenção ao câncer de próstata

Sexta, 31 de outubro de 2014

img201311081940117081174MED
Pelo segundo ano consecutivo, o prédio do Congresso Nacional será iluminado de azul, ao longo de todo o mês de novembro, a fim de chamar a atenção dos homens para a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata.
A iluminação especial será inaugurada na segunda-feira, dia 3 de novembro, por volta das 19 horas, horário para o qual está previsto o fim da sessão solene em homenagem aos 26 anos do Dia Nacional de Combate ao Câncer – Saúde do Homem

Fonte: Robson Pires

PSDB pede auditoria especial do resultado das eleições ao TSE

Sexta,31 de outubro de 2014

O PSDB entrou ontem (30) no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com um pedido de auditoria especial do resultado da eleição presidencial. Em nota divulgada à imprensa, o partido diz que tem “absoluta confiança” de que o tribunal garantiu a segurança do pleito, mas pretende tranquilizar eleitores que levantaram, por meio das redes sociais, dúvidas em relação à lisura da apuração dos votos. O PSDB pede que o TSE crie uma comissão formada por integrantes dos partidos políticos para fiscalizar todo o processo eleitoral, desde a captação até a totalização dos votos. O partido não pede a recontagem dos votos.

O resultado oficial das eleições para a Presidência da República foi proclamado pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Dias Toffoli, na terça-feira (28). A candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, obteve 51,64% dos votos válidos e Aécio Neves, do PSDB, recebeu 48,36%. Com a homologação do resultado, Dilma poderá ser diplomada pela Justiça Eleitoral. A data ainda não foi definida pelo TSE, mas a diplomação tem de ocorrer até 19 de dezembro, prazo estipulado pela Lei Eleitoral.


Fonte: Robson Pires

Multa de trânsito fica até 900% mais cara a partir de sábado

sexta, 31 de outubro de 2014


A partir deste sábado, motoristas que infringirem as leis de trânsito sentirão um gosto mais amargo no bolso. Isso porque o valor das multas será reajustado em até 900%, de acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). O aumento está previsto na Lei 12.971, que altera 11 artigos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) – a maioria se refere a ultrapassagens.

O valor da multa por uma ultrapassagem em local proibido, considerada infração gravíssima, vai saltar de R$ 191,54 para R$ 1.915,40, uma alta de 900%. Com a vigência da Lei 12.971, o artigo 191 prevê a aplicação de multa 10 vezes o valor da gravíssima e a suspensão do direito de dirigir.

O Denatran também alerta que, se houver reincidência no período de até 12 meses, será aplicada uma multa com o dobro do valor multiplicado, atingindo R$ 3.830,80. De acordo com o órgão, o objetivo das mudanças é aumentar a segurança dos motoristas e pedestres, e incentivar a condução de forma segura.


Fonte: Robson Pires

Petrobras pede autorização à Justiça Federal para ouvir Costa em apuração interna

sexta, 31 de Outubro de 2014 


Foto: Fábio Pozzebom/ Agência Brasil

A Petrobras solicitou à Justiça Federal autorização para ouvir o ex-diretor de Abastecimento da estatal, Paulo Roberto Costa, nas investigações internas da companhia sobre as denúncias de desvios nas refinarias Abreu e Lima (Pernambuco) e Comperj (Rio de Janeiro). Entre as perguntas constantes no questionário encaminhado à Justiça, estão questionamentos sobre o conteúdo das reuniões que ele fez com o ex-presidente da petrolífera, José Sérgio Gabrielli, e o ex-diretor de Serviços, Renato Duque, ocorridas entre o fim de 2005 e o começo de 2006 sobre o projeto de implantação de Abreu e Lima. A Petrobras também quer esclarecimentos sobre a atuação do ex-diretor Internacional, Nestor Cerveró na assinatura de um acordo com a estatal venezuelana de petróleo, a PDVSA, referente à refinaria de Pernambuco. No início da tarde desta quinta-feira (30), a companhia divulgou o nome das empresas que foram contratadas para fazer a apuração interna dos casos apontados em depoimento por Costa: a brasileira Trench, Rossi e Watanabe Advogados e a americana Gibson, Dunn e Crutcher LLP. Com informações da Folha de S. Paulo.

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Mossoró/ RN: Governismo faz nova mesa diretora e amplia a sua força


Quinta-Feira - 30 de outubro de 2014


Definido. A partir do dia 1º de janeiro de 2015, a Câmara Municipal de Mossoró terá nova mesa diretora. Pleito antecipado à manhã de hoje assegurou a nova formação.

O vereador governistaJório Nogueira (PSD) foi eleito para ser o futuro presidente, em substituição ao presidente tampão Francisco Carlos (PV), que ficará até o dia 31 de dezembro deste ano. A chapa de Jório obteve 16 votos. O vereador Tomaz Neto (PDT) apresentou candidatura própria e empalmou apenas quatro votos. Houve uma abstenção: o vereador Lahyrinho Rosado (PSB).

Jório e prefeito (ao centro): nova mesa e força ampliada para próximo biênio (Foto: divulgação)

A Mesa Diretora para o biênio 2015/2016 ficou constituída da seguinte forma: Presidente – Jório Nogueira; 1º Vice-Presidente – Alex do Frango (PV); 2º Vice-Presidente – Nacízio Silva (PTN); 1º Secretário – Genilson Alves (PTN); 2º Secretário – Heró Alves (PROS); 3º Secretário – Vingt-Un Neto (PSB); 4º Secretário – Cícera Nogueira (PSD).

O presidente eleito agradeceu os votos recebidos, e emocionado, relembrou de seus pais, o ex-vereador Aldenor Nogueira e sua mãe, falecida na véspera de sua candidatura a vereador, em 2012.

“Meu pai é o meu exemplo nesta Câmara. Quando decidi a seguir a vida pública, ele me disse que sempre procurasse ser correto como ele foi. E é isso que tenho procurado fazer”, afirmou em seu discurso de agradecimento.

Reforço da “oposição”

Já Tomaz Neto, lamentou que a montagem da chapa não tivesse respeitado uma tradição do Legislativo e da natureza republicana, que é a composição entre oposicionistas e governistas. Citou, ainda, que a chapa tinha méritos, mas seus ocupantes tinham permitido que fosse decidida fora da Câmara, numa reunião no apartamento do prefeito Francisco José Júnior (PSD), à noite da última terça-feira (28).

Após a eleição, os membros da nova mesa diretora fizeram uma visita ao prefeito Francisco José. Estiveram no Palácio da Resistência, sede da Prefeitura.

Além dos eleitos, os vereadores governistas Manoel Bezerra (DEM), Soldado Jadson (SDD), Celso Lanche (PV), Ricardo de Dodoca (PTB), Narciso Silva (PTN), Claudionor dos Santos (PMDB).

Alex Moacir (PMDB) e Izabel Montenegro (PMDB) também somaram votos para os eleitos, mesmo tidos como “oposicionistas”. Vingt-un Neto até fez parte da chapa vencedora.


Fonte: Carlos Santos

Governo confirma novo atraso no pagamento para cerca de 10 mil servidores, os demais receberão amanhã


30 de outubro de 2014 


A folha salarial dos servidores públicos do Rio Grande do Norte começa a ser paga amanhã (31). De acordo com informações preliminares da Secretaria de Planejamento, a forma de pagamento será a mesma do mês anterior, com preferência para o pagamento dos servidores que recebem até R$ 2 mil e áreas essenciais.

Segundo o Governo do Estado, o pagamento começará a ser creditado ao meio dia. Serão pagos os salários de todos os servidores da Saúde, Educação (inclusive UERN), além de todos os servidores do DETRAN, IDEMA, DEI, JUCERN e IPEM, independente do valor do salário. Também na amanhã vão receber os servidores ativos e inativos das demais áreas que ganham até R$ 2 mil líquidos.

Ao todo, 93.464 servidores (91% do total) receberão amanhã. Os demais 9.377 servidores terão os valores creditados até o dia 10 de novembro.

A mudança na forma de pagamento da folha dos servidores ocorre desde agosto de 2013, quando o Executivo, devido à crise financeira, teve que mudar a forma de pagar os salários dos trabalhadores


por annaruth

A força de Dr. Netinho em Martins/RN

Quinta-feira, 30 de outubro de 2014


Governador Robinson Faria e Dr. Netinho

A maioria de 846 votos de Henrique Alves no primeiro turno em Martins/RN caiu para 62 votos no segundo turno. Dr. Netinho, que no primeiro turno apoiou Henrique Alves, passou, no segundo turno, a apoiar o candidato Robinson Faria.

Postado por AgoraAlminoAfonsoInforma às 04:51:00


Fonte: Agora Almino Afonso Informa

161ª Morte violenta em Mossoró: Jovem foi surpreendido e morto quando chegava em casa no Três Vintens


Quinta, 30 de outubro de 2014

Jovem com registro de envolvimento com o trafico de droga e recém-liberado do sistema prisional foi morto quando chegava em casa na Rua Lupicínio Fernandes de Queiroz, no Loteamento Três Vinténs na cidade de Mossoró no Rio Grande do Norte. O crime aconteceu no inicio da manhã de hoje 30 de Outubro de 2014. 

Daniel Bezerra Varela de 22 anos de idade foi alvejado com um disparo penetrante na cabeça e morreu dentro de sala da casa onde morava com a família. Ele surpreendido e baleado por dois indivíduos que estavam de motocicleta, no momento que entrava na porta da frente, segundo informações de familiares. 

A família não tem informações se Daniel vinha recebendo algum tipo de ameaça, mas confirma seu envolvimento com o comercio de droga. No dia 29 de out de 2013, Daniel foi preso acusado de trafico de droga em companhia de seu irmão. A família informou a policia que a vitima tinha inimigos. 

Uma viatura da Policia Militar realizou o isolamento para os procedimentos das equipe da Delegacia de Homicídios e do Instituto Técnico e Cientifico de Policia, Itep de Mossoró.



Veja a galeria de fotos


Fonte: O Câmera

O que muda se a reforma política ocorrer por referendo ou plebiscito?

Quinta,30 de outubro de 2014



Para que a presidente reeleita, Dilma Rousseff, tenha êxito em sua principal proposta para seu segundo mandato, a aprovação de uma reforma política, ela terá de se entender com o Congresso quanto à melhor forma de consultar a sociedade no processo.
A proposta original de Dilma é pela convocação de um plebiscito para tratar do tema. Já os dirigentes da Câmara e do Senado preferem que os eleitores participem da reforma por meio de um referendo. A posição do Congresso nesse tema é crucial, já que cabe ao órgão decidir qual modelo será adotado.

Os pontos de vista distintos já provocam atritos entre as autoridades. Na terça-feira, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse que "o Congresso pagará caro pela omissão" se autorizar a convocação de um plebiscito, delegando aos eleitores o poder de definir os rumos da reforma. 

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), reforçou a posição de Renan e culpou o PT pela não aprovação de uma proposta de reforma no ano passado. Também na terça, Dilma flexibilizou sua posição ao dizer em entrevista que "não interessa muito se é referendo ou plebiscito".

Qual a diferença entre referendo e plebiscito? A principal distinção é que um plebiscito é convocado antes da elaboração de um ato legislativo ou administrativo que trate do assunto em questão. 
Já um referendo é convocado posteriormente, para que a população aprove ou rejeite a proposta já elaborada. 

De que maneira essas diferenças influenciariam na reforma política? Pela proposta de Dilma, um plebiscito sobre a reforma política permitiria aos brasileiros posicionar-se sobre vários temas. 

Eles poderiam, por exemplo, decidir se o financiamento das campanhas deve ser público, privado ou misto; se o voto deve ser nos partidos, em listas fechadas, ou em candidatos; se deve ser criada uma cláusula de barreira para impedir que partidos pequenos assumem lugares na Câmara; e se a reeleição deve ser proibida. 

Caberia ao Congresso decidir quais perguntas serão feitas e elaborar uma proposta que respeitasse os resultados da consulta. Esse modelo daria aos eleitores maior poder na elaboração da proposta. 

No caso de um referendo, o Congresso elaboraria uma proposta de reforma, e os eleitores teriam apenas o poder de chancelar ou vetar o projeto como um todo, sem poder modificá-lo. Esse modelo daria ao Congresso mais poder na elaboração da proposta.

Via:Portal Bol/ Serrinha de Fato





O ex-candidato a vice-prefeito da cidade Martins, João Crisóstomo, enviou uma mensagem de agradecimento a todos os martinenses que votaram no primeiro turno em seus candidatos a deputado estadual- Galeno Torquato, deputado federal- Fábio Faria, senadora- Fátima Bezerra e no segundo turno das eleições, os que votaram em Dilma - presidente e Robinson para governador do RN.

Eis, na integra, a mensagem:

Caros amigos e amigas martinenses, venho de público agradecer a todas as pessoas que votaram nos candidatos vitoriosos do primeiro turno, agradecer a todos, que votaram no segundo turno das eleições em Dilma Presidente e Robinson governador do RN. E, agradecer, principalmente, ao esforço da união da nossa histórica, oposição da cidade de Martins, que sabiamente se uniu para melhorar a votação do nosso governador no segundo turno em Martins, que sem sombra de dúvida foi tão importante quanto a vitórias dos cinco candidatos. Cada um de nós é bom, mas nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos e a importante vitória que conquistamos nessas eleições mostra essa força. Espero que Deus ilumine as mentes dos, hora, eleitos para que cumpram seu papel constitucional e sensibilize-se da real necessidade da nossa sociedade.

Grato.

João Crisóstomo de Paiva



Fonte: Serrinha de Fato

Felipe Maia sobre crise do governo com PMDB: “PT, peia!”

Quinta, 30 de outubro de 2014


A oposição perdeu a disputa pelo Governo Federal, mas ficou claro que saiu do pleito do dia 26 de outubro fortalecida. Tanto é que conseguiu imprimir, com o apoio do PMDB, principal aliado do PT no Governo Federal, uma derrota importante em matéria sobre os conselhos populares, acabando com a validade de um decreto de Dilma Rousseff (PT). O fato, claro, resultou na comemoração de alguns deputados federais do RN, que são reconhecidamente opositores a gestão Dilma Rousseff.

Entre os que comemoraram a derrota, está o deputado federal Felipe Maia, filho do senador José Agripino, presidente nacional do DEM e coordenador da campanha de Aécio Neves (PSDB) no Nordeste. “A Câmara dos Deputados retorna os seus trabalhos impondo uma derrota ao governo do PT. Derrubamos o decreto bolivariano da Dilma!”, afirmou Felipe Maia pelo Twitter.

O deputado, por sinal, foi além e comemorou, também, a crise de relacionamento envolvendo o PT e o PMDB. “Dilma vetou o nome de Eduardo Cunha à presidência da Câmara. O PMDB reúne amanhã pra o lançamento da candidatura oficial de Cunha. PT, peia!”, disse o parlamentar do DEM, também pela rede social.

Jornal de Hoje

Nelter Queiroz: “Candidatos estão sendo tratados como marginais”

Quinta, 30 de outubro de 2014










O deputado Nelter Queiroz, do PMDB, fez sérias críticas à Justiça Eleitoral afirmando que “existe uma verdadeira ditadura do Poder encarregado pela condução das eleições” e que “os candidatos estão sendo tratados como marginais”. Em razão disso, o peemedebista entende que terá que haver uma reforma política para flexibilizar o processo eleitoral. “Quantos eleitores foram presos por compra de votos?”, questiona o parlamentar que tem base político/eleitoral na região Seridó do Estado e foi reeleito para o exercício do seu 6º mandato. Ele acrescenta: “temos que respeitar a lei, mas deve existir limites”.

Sobre sua expectativa com relação ao futuro governo do Estado, Nelter Queiroz diz que vai cobrar os compromissos de campanha assumidos na praça pública e esperar que o futuro governo cumpra e torcer para dar certo. “Vou ser vigilante e cauteloso, concordando com os bons projetos que forem apresentados”, ressalta, conclamando os políticos a “pensarem mais no Rio Grande do Norte de que em si próprios”. No entendimento do parlamentar do PMDB, o governo tem que pensar em geração de emprego e renda e resolver o principal problema do Estado que é a falta de segurança, observa o deputado de Jucurutu, registrando que a situação do Estrado é de dificuldades, entretanto, entende não ser culpa de um só governante, mas de problemas administrativos acumulados há vários anos.

Referindo-se a declarações do governador eleito, Robinson Faria lembrando o nome do deputado Fernando Mineiro para prefeito de Natal, Nélter Queiroz considera prematuro, afirmando que a prioridade do futuro governante deveria ser cuidar do Estado para posteriormente falar sobre política e eleição.

Jornal de Hoje/ Robson Pires

Agência do Banco do Brasil é assaltada em Uauá /BA

Quinta, 30 de Outubro de 2014 

Foto: Leitor do Jaguararia Acontece

A agência do Banco do Brasil da cidade de Uauá, nordeste do estado, foi assaltada na manhã desta quinta-feira (30). De acordo com informações do blog do Geraldo José, 12 pessoas teriam sido feitas reféns pelos criminosos. Uma câmera localizada próximo ao local flagrou o momento em que os assaltantes fugiam do banco, com quatro homens fortemente armados.

Vacinação contra pólio e sarampo tem início em 8 de novembro


Quinta, 30 de Outubro de 2014


Foto: José Cruz / Agência Brasil

A campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo será iniciada no próximo dia 8 com encerramento em 28 de novembro. Segundo anúncio do Ministério da Saúde, nesta quinta-feira (30), os sábados 8 e 22 serão os dias de mobilização nacional, quando postos de todo país ficam abertos para intensificar a campanha. No combate à poliomielite, também conhecida como paralisia infantil, a população-alvo inclui crianças a partir de 6 meses até 5 anos incompletos. A previsão é que mais de 12,7 milhões de crianças em todo o país sejam vacinadas. Serão distribuídas 17,8 milhões de doses orais (vacina em gotas). Para crianças acima de 6 meses com vacinação atrasada, o ministério, no entanto, recomenda a vacina injetável. Na imunização contra o sarampo, a faixa etária do público-alvo é a partir de 1 ano até 5 anos incompletos, com previsão de vacinação de 10,9 milhões de crianças. Para o sarampo, serão distribuídas 12,5 milhões de doses da vacina tríplice viral, que protege ainda contra a caxumba e a rubéola. Ainda de acordo com o ministério, a campanha, considerada de seguimento, é realizada a cada cinco anos. Nos estados do Ceará e Pernambuco, a ação foi antecipada neste ano em razão de casos identificados em 2013 e 2014. Informações da Agência Brasil.

Advogado de Youssef chama matéria da Veja de ‘divulgação distorcida’: ‘fonte mentiu ou é má-fé’

Quinta, 30 de Outubro de 2014

Foto: Divulgação / Veja

O advogado que representa Alberto Youssef, Antonio Figueiredo Basto, negou que tenha relação com a divulgação de supostas informações prestadas por seu cliente pela revista Veja. Segundo a publicação , o doleiro teria assumido para a Polícia Federal (PF), no âmbito da delação premiada, que a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sabiam do esquema de corrupção na Petrobras. "Asseguro que eu e minha equipe não tivemos nenhuma participação nessa divulgação distorcida", afirmou ao Valor Econômico. Segundo ele, diferente do que afirma a Veja, não houve nenhuma declaração de Youssef feita no dia 22 de outubro. "Nesse dia não houve depoimento no âmbito da delação. Isso é mentira. Desafio qualquer um a provar que houve oitiva da delação premiada na quarta-feira", afirmou Basto, irritado. O advogado diz ainda que a informação de que o depoimento teria ocorrido na quarta para que fosse feita uma retificação sobre o que o doleiro havia afirmado no dia anterior. "Não houve retificação alguma. Ou a fonte da matéria mentiu ou isso é má-fé mesmo", acusa o defensor. Na sexta-feira (24), o o superintendente da (PF) no Paraná, delegado Rosalvo Ferreira Franco, determinou abertura de inquérito para apurar "o acesso de terceiros" ao conteúdo do depoimento prestado por Youssef.

Colisão entre duas motos deixa professora morta no local e outras duas pessoas feridas em Mossoró no Rio Grande do Norte

Quinta,30 de Outubro de 2014

Um acidente de trânsito tipo colisão moto com moto ocorrido na noite ontem quarta feira 29 de outubro de 2014,no cruzamento da Avenida Alberto Maranhão com Rua Coelho Neto, no bairro Alto da Conceição em Mossoró no Rio Grande do Norte deixou uma professora morta no local e outras duas pessoas feridas e socorridas para o Hospital. 

A vítima fatal,identificada como Lindelíllyan Fernandes Martins de 33 anos,moradora do Alto São Manoel, trabalhava como professora na Escola Estadual Raimundo Gurgel no bairro Belo Horizonte e na Convest. 

Segundo informações repassadas pela Polícia de Trânsito, dois homens,identificados como Francisco José da Silva e Jeferson Dantas,ambos com 18 anos de idade, trafegavam em uma moto Fan pela rua Coelho Neto sentido Alto São Manoel e ao chegar no sinal do cruzamento,das duas artérias,fizeram uma conversão proibida entrando a esquerda para Alberto Maranhão. 

A Professora que trafegava no sentido Alto São Manoel/Boa Vista Colidiu frontalmente sua moto Broz vermelha com outra motocicleta que fazia a conversão proibida. 

Lindelíllyan Fernandes morreu na hora,enquanto que os dois homens foram socorridos por uma ambulância do Samu para o Hospital Tarcísio Maia com escoriações.

A Polícia Militar está no Hospital Tarcísio Maia aguardando a liberação dos dois envolvidos no acidente,para que os mesmo prestem esclarecimento sobre o ocorrido.

O corpo da professora foi removido para o ITEP onde será necropsiado e liberado para sepultamento.



Fonte: Fim da Linha

Popular foi socorrido com ferimentos provocados por espancamento no Alto da Conceição

Quinta , 30 de outubro de 2014


Roberto Vasconcelos dos Santos de 29 anos de idade, residente na Rua Antônio Fecundes de Albuquerque, no Conjunto Integração, em Mossoró, foi socorrido pela equipe do Samu com sérios ferimentos no rosto provocados por espancamento. O caso foi registrado no final da noite de quarta feira 29 de Outubro de 2014.

Segundo informações Roberto estava bebendo com alguns amigos, próximo ao mercado do Alto da Conceição e em certo momento ele teria dito que ia em casa. "?" 

O dono do estabelecimento disse que acordou com Roberto na peia. Ninguém apareceu pra contar a policia o que teria acontecido entre Roberto e seu agressor. Ainda perguntaram se tinha alguma coisa a ver com namoro, mas Roberto mandou deixar pra lá e disse que o acusado era amigo dele.

Ele foi levado para o Hospital Regional Tarcisio Maia e aparentemente não corre risco de morrer, mas como se diz no sertão peia pra 10 Roberto levou sozinho. Ele disse que perdoava os agressores, mas foi para o hospital com as Ventas toda quebrada".

Imagens Passando na Hora


Fonte: O Câmera

Decreto sobre conselhos populares também vai cair no Senado, diz Renan

Quinta, 30 de outubro de 2014 

Para o presidente do Senado, matéria é ‘conflituosa’ e ‘deverá cair’


O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse nesta quarta-feira (29) que o decreto elaborado pela Presidência da República que estabelece a consulta a conselhos populares por órgãos do governo antes da adoção de políticas públicas deverá ser derrubado na Casa.

Para Renan, a matéria é “conflituosa” e encontra muitas resistências no parlamento, “tanto na Câmara quanto no Senado”.

Nesta terça (28), o plenário da Câmaraderrubou o decreto presidencial apenas dois dias após a reeleição da presidente Dilma Rousseff e impôs a primeira derrota do Palácio do Planalto no Congresso após as eleições.

Por meio de votação simbólica, os deputados aprovaram um projeto de decreto legislativo apresentado pelo DEM que susta a aplicação do texto editado por Dilma. O texto ainda precisa de aprovação do Senado para que o decreto da presidente perca a validade.

“Ser derrubada na Câmara não surpreendeu. Da mesma forma que não surpreenderá se ela for – e será – derrubada no Senado Federal”, disse Renan ao chegar no Congresso.

“Esse é um projeto polêmico, que encontra muitas resistências no parlamento, tanto na Câmara quanto no Senado [...] Essa coisa da criação de conselhos é conflituosa, não prospera consensualmente no parlamento. Deverá cair”, afirmou.
saiba mais



O decreto sofreu críticas desde que foi editado pelo Palácio do Planalto, em maio deste ano. A proposta, que institui a Política Nacional de Participação Social (PNPS), não cria novos conselhos, mas determina que os órgãos oficiais levem em conta mecanismos para a consolidação “da participação popular como método de governo”.

Segundo o decreto, os conselhos devem ser ouvidos “na formulação, na execução, no monitoramento e na avaliação de programas e políticas públicas e no aprimoramento da gestão pública”.

Oposicionistas acusavam o governo de tentar, com o decreto, aparelhar politicamente entidades da administração pública, além de diminuir o papel do Legislativo. Para pressionar a inclusão do tema na pauta, eles ameaçaram travar as votações na Casa até que a matéria fosse a plenário.

Mais cedo, o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, afirmou que setores do PMDB, partido de Renan, “tinham tomado a decisão” de derrotar o governo na votação da Câmara. Carvalho também disse que a votação é uma derrota “que não abate” o governo. Ele disse ainda considerar o voto de membros do PMDB que votaram contra o decreto de Dilma Rousseff “um episódio bastante isolado”.

“A questão de ontem tem que ser tipificada. Havia, de fato, alguns setores do PMDB que tinham tomado a decisão de nos derrotar. Isso eu sei. Eu não confundo isso com o conjunto do partido [...] Então eu prefiro considerar isso um episódio bastante isolado, localizado, que não afeta a nossa necessária aliança com o PMDB”, disse Carvalho após reunião do Conselho das Cidades, em Brasília.

Ao ser indagado sobre as declarações do ministro, o presidente do Senado afirmou que “mais uma vez, o ministro Gilberto Carvalho não está sabendo nem o que está falando.”

Presidência do Senado
Renan também respondeu a perguntas sobre a sucessão presidencial no Senado. Para ele, “não é hora” de conversar sobre eleição na Casa. Ele também disse que seu nome “não está posto” já que a decisão sobre quem concorrerá à cadeira deve ser “produto da vontade da maioria da bancada”.

“Não é hora de conversar sobre eleição no Senado. O PMDB conquistou nas urnas o direito de indicar o presidente do Senado e, em janeiro, quando a nova bancada chegar, o PMDB vai se reunir e indicar o candidato a presidente do Senado”, disse.

“Meu nome não está posto. Nunca acontece de um nome ficar posto por decisão pessoal. Quando isso ocorre é produto da vontade da maioria da bancada. Mas essa é questão para janeiro. Em janeiro, o PMDB senta, conversa e escolhe o candidato a presidente”, concluiu Renan.

Fonte: g1.com.br/ Carlos Skarlack

Banco Central eleva a taxa de juros três dias depois da eleição

Quinta, 30 de outubro de 2014 

Viva a autonomia!

Por: Reinaldo Azevedo

Ainda bem que o Banco Central, que é autônomo, claro!, não eleva os juros antes da eleição, mas os eleva três dias depois do segundo turno. Eu gosto é disto: coragem e independência! “Mas você acha desnecessário elevar a taxa, Reinaldo?” Tenho a impressão de que o país não está, assim, com excesso de demanda a pressionar os preços; acho que o descontrole está em outros lugares, mas vá lá. Considerando o conjunto da obra, acho que a decisão faz parte do, como é mesmo?, choque de credibilidade, não é? Como o segredo de aborrecer é dizer tudo, acho que os mercados reagirão bem à notícia. Só espero que não haja gente por aí a dizer que, ao elevar os juros, o BC deu prova de sua autonomia. Dado que as dificuldades de agora são as mesmas do mês passado, eu sentencio: não foi autônomo no mês passado nem agora. Ponto parágrafo.

Agora em 11,25%, a Selic é a mais alta desde outubro de 2011, e esta é a primeira elevação desde abril deste ano, quando o processo eleitoral já estava nas ruas. É claro que faria essas observações com menos, digamos, energia se uma das peças de resistência da campanha da candidatura Dilma Rousseff não tivesse sido o suposto amor incondicional de Armínio Fraga por juros estratosféricos. Segundo o PT, ele os elevou quando no Banco Central por gosto, não por necessidade. O PT, claro!, faz tudo por necessidade. Ou dito de outro modo: quando tucanos elevam juros, são pessoas perversas, malvadas, pérfidas mesmo. Quando isso acontece em governo petista, a elevação vem embalada por ternura e amor ao povo.

A elevação de agora não estava sugerida na ata de setembro, segundo a qual os 11% já seriam suficientes para elevar, aos poucos, a inflação para o centro da meta. O que mudou de lá pra cá? O humor do mercado financeiro, a desconfiança razoável de que Dilma não vai fazer a coisa certa, o clima de “a vaca foi pro brejo” que há por aí. Aí, então, chegou a hora de o BC demonstrar a sua autonomia e elevar os juros… Não sei se entendem a ironia.

A decisão não foi unânime. Votaram pela elevação da taxa Selic para 11,25% ao ano os seguintes membros do Comitê: Alexandre Antonio Tombini (Presidente), Aldo Luiz Mendes, Anthero de Moraes Meirelles, Carlos Hamilton Vasconcelos Araújo e Sidnei Corrêa Marques. Votaram pela manutenção da taxa Selic em 11% os diretores Altamir Lopes, Luiz Awazu Pereira da Silva e Luiz Edson Feltrim.

Atenção, gente, aumentou a taxa de juros!!! Mas saibam que foi para o bem dos pobres. Se o governo fosse tucano, seria para o bem dos banqueiros e da dona “Zelite”.

Fonte: www.veja.com.br/ Carlos Skarlack

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055

Recomende